Remada dos Mangues


Sábado, dia 28 de Julho de 2012, nos 5 anos da tragédia que causou a mortandade de milhões de espécies vivas no estuário do Rio Jundiaí, a morte também de humanos e o empobrecimento dos que vivem da pesca. Quantos foram punidos? Quanto foi recuperado?

Nós, cidadãos, que queremos que os crimes ambientais e sociais no contexto da região estuarina Jundiaí-Potengi sejam sessados e os culpados punidos, devemos nos unir. Aproveitando que hoje, dia 26 de julho, é dia mundial do Manguezal, e sábado, dia 28 de julho, faz 5 anos da ocorrência da grande tragédia sócio-ambiental nessa, não podemos deixar passar em branco.

Proponho um mix de caminhada e remada na belíssima área do Guarapes, quase divisa entre Natal e Macaíba. Quem quiser aluga uma canoa ou leva seu caiaque e vamos a uma remanda passeio na região. quem não quiser se aventura nas água, faz uma caminhada na região, margeando a BR 226, que é é linda.

O esporte pode ajudar a valorizar pessoas e regiões. Vamos ajudar a salvar nossos manguezais e a punir os criminosos. Quem tiver afim de participar mande-me um e-mail e/ou ligue-me: 9122 5600 / 9913 2630.

Prof. Milttão.

Comentários

  1. bom dia! gostaria muito de colaborar com essa luta. como faço para participar desses momentos, tão bacana, tão importante, tão educativo. como faço para me engajar? gostaria de ser mais um voluntario.
    assinado: bigode do asfalto. ( JOSE WERTA )
    meu email: wertaoliveira@bol.com.br
    valeu! um grande abraço.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Se desejar, deixe aqui seu comentário. Ele será muito importante.

Postagens mais visitadas deste blog

Mais um crime ambiental e urbanístico. Ergue-se o 33º barraco irregular na ZPA7 de Natal

Ambientalistas lançam a #SuperSemanaDoManguezal2017

Próximo sábado, 04/03, ainda terá carnaval em Natal e dentro do mar