Maior ponte sem carros dos EUA inspirará Natal?



Portland constrói a maior ponte Car-Free dos USA


A ponte Tilikum terá 518m e passará nela apenas vlt, ônibus, bondes, bicicletas e pedestres. carros não ... utilizarão outras pontes.
Ao longo dos últimos anos, um bairro industrial ao longo de uma frente ribeirinha em Portland, Oregon, foi transformado com novas moradias e uma nova ramificação de um campus universitário. Mas, com poucas estradas que levam à região, que costumava ser difícil de alcançar, a solução da cidade, em vez de construir estradas, foi a construção de uma nova ponte e como eles começaram o projeto, eles decidiram torná-lo livre de carros.

Tilikum Travessia tem mais de 518 metros de comprimento, será a maior ponte de trânsito livre de carros nos EUA, e o primeiro projeto multi-modal de sua espécie.Trens Light Rail, ônibus e bondes viajarão pelo meio, com bicicletas e pedestres caminhando por ambos os lados.



Em parte, a decisão de deixar de fora os carros era prático. Sem uma rede de estradas maiores para levar até a ponte em cada lado da ponte, que teria sido difícil de conduzir e desligar. Carros, incluindo também teria custado a cidade mais.
"A ponte teria sido muito mais ampla. Teria que dobrar a largura da ponte e ampliar seus acessos próximo ao rio""É também teria contribuído significativamente para o maior custo da ponte." , explica Dave Unsworth , diretor de desenvolvimento de projeto. 

A cidade acha que poderia servir de modelo para novas pontes em outras cidades."Precisamos pensar multi-modal", diz Unsworth. "Os bondes para a circulação central da cidade, ônibus para ligar para os bairros, e de metrô ligeiro para destinos regionais. Bicicletas e pedestres fariam conexões em percursos próximos."
Apesar do fato de que Portland investir forte em transporte público, sabe que não viverá sem carro tão cedo. "Nem todo mundo pode usar o transporte, mas precisamos continuar a torná-lo mais conveniente, fazendo um grande trabalho de ligar para onde as pessoas querem e precisam ir", diz Unsworth. "Todas as cidades precisam incentivar e investir em modos alternativos.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Mais um crime ambiental e urbanístico. Ergue-se o 33º barraco irregular na ZPA7 de Natal

Ambientalistas lançam a #SuperSemanaDoManguezal2017

Próximo sábado, 04/03, ainda terá carnaval em Natal e dentro do mar